in

Polícia inicia investigação e ouve advogado da família de Marília Mendonça


Autoridades querem ouvir esclarecimentos sobre a contratação do jato usado pela cantora

Washington Alves/ReutersPolicias e outras autoridades checam os destroços do avião

A Polícia Civil de Minas Gerais iniciou a investigação do acidente aéreo que matou Marília Mendonça e mais quatro pessoas. De acordo com a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), a aeronave bateu em um cabo de uma torre de energia no município de Caratinga e depois caiu próximo a uma cachoeira. A primeira testemunha ouvida pelas autoridades mineiras foi o advogado da família de Marília, que prestou esclarecimentos sobre a contratação do jato usado pela cantora. Por ora, os policiais evitam levantar qualquer hipótese. “A gente não pode falar sobre a causa do acidente. Há destroços de uma antena que sugere que o avião tenha colidido com ela”, declarou Ivan Salles, delegado regional da Polícia Civil de Caratinga.





Esse conteúdo pertence ao site:

Jovem Pan

Acesse: www.jovempan.com.br

Para qualquer dúvida ou reclamação, envie um e-mail para:

contato@tvastros.com.br

Siga-nos e curta-nos:
0
20
Pin Share20

Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Cauan diz que Marília Mendonça o fez parar de compor: ‘Iria passar vergonha’

Irmão de Marília Mendonça emociona fãs em post de despedida: ‘Sua voz e essência são eternas’